Evento:

Caros participantes do XIII Colóquio do CPA e IV Semana de Estudos Clássicos do IEL, 

Gostaríamos de mais uma vez agradecer a cada um de vocês por sua honrosa participação, que sem dúvida contribuiu para a riqueza de discussões em nosso evento sobre “Tempo, crise e oportunidade no mundo antigo” realizado na Unicamp. Tivemos desta feita mais de sessenta participantes inscritos, sem contar os palestrantes convidados, debatedores e ministrantes de minicurso, monitores e organizadores. 

Enviamos a última versão do Caderno de Resumos, incluindo o resumo dos pôsteres, a qual ficará disponível neste site:

Caderno de Resumos_Versao_2 de Dezembro (inclui PÔSTERES)

Aproveitamos a ocasião para lembrar-lhes da possibilidade de publicação em nossas revistas, mediante submissão a elas, nos respectivos endereços:

* Revista do CPA (temas referentes a todas as áreas do evento, História, Arqueologia e Filosofia Antiga, bem como Letras Clássicas): revistadocpa@gmail.com

* Phaos – Revista de Estudos Clássicos do IEL (artigos que tratam de textos originalmente em latim ou grego)

http://revistas.iel.unicamp.br/index.php/phaos

Com votos de sucesso em sua pesquisa e de ótimo final de ano, aguardamos vocês na próxima edição em 2017!

Atenciosamente, 

Comissão organizadora do XIII Colóquio CPA/ IV Semana de Estudos Clássicos

********************************************

XIII Colóquio do Centro do Pensamento Antigo (CPA) – IFCH

&

IV Semana de Estudos Clássicos do CEC – IEL

Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) – Campinas, Brasil

Data: 3 a 5 de novembro de 2015

Email para contato: tempus.cec.cpa@gmail.com

Ao tratarmos das antigas Grécia e Roma, deparamo-nos com diversas representações de tempo. O tempo enquanto dado, concedido ao homem e às coisas, ou o que lhes é tirado; o que os seres aumenta ou destrói. O tempo enquanto momento que ora coloca homens, obras, civilizações e seus legados em cheque, em crise, ora oferece a oportunidade de mudanças ou de luta pela manutenção…

Estudiosos de textos, monumentos, eventos da Antiguidade grega ou romana não têm como se esquivar da lida com várias facetas do tempo, que define mesmo seu objeto de estudo, situando-o em em suas vulneráveis demarcações (datas, etapas, idades, eras). O tempo marca também, como é notório, os próprios estudiosos e seus métodos, na lida com tais objetos e na história de sua ciência.

Levando em conta tais reflexões, o Centro de Estudos Clássicos e o Centro do Pensamento Antigo convidam os colegas interessados à submissão de trabalhos nas áreas de História Antiga, Arqueologia Antiga, Letras Clássicas e Filosofia Antiga para seu evento bienal que realizam em conjunto.

Este ano, o evento se realizará nos dias 3, 4, e 5 de novembro (dias dedicados a História Antiga, Letras Clássicas, Filosofia Antiga, respectivamente), e seu tema gira em torno da questão do “tempo”, envolvendo também dois aspectos a ele mais concretamente associáveis, os temas da crise e da oportunidade, que poderão ser desenvolvidos por meio de abordagens diversas dentro de cada área.

__________________________________________

Fonte da imagem utilizada:  Dança da Música do Tempo (Danse de la Musique du Temps), desenho preparatório, Nicolas Poussin, 1637 – 1638, Edimburgo, National Gallery of Scotland (MARE –Museu de Arte para Pesquisa e Educação: http://www.mare.art.br/detalhe.asp?idobra=3620)